«RESENHA» Eu Te Darei o Sol, de Jandy Nelson @Novo_Conceito



Titulo Original:  I'll Give You the Sun
Autora: Jandy Nelson
Editora: Novo Conceito
Pág: 381
ISBN: 9788581636467
Compre: || Aqui ||
Sinopse no Skoob



Antes de tudo quero dizer que fui sem expectativa e me surpreendi. Mais ainda porque essa é a minha primeira experiência com a escrita de Jandy Nelson.

O livro conta a história dos irmãos gêmeos Noah e Jude, que aparentemente parece perfeita. Eles eram inseparáveis, mas, totalmente diferente um do outro, o que tinham em comum era o amor pela arte e pretendiam se matricular ambos em uma renomada escola de arte. Jude é falante, expansiva e amada por todos e poderíamos dizer que um pouco rebelde. Enquanto Noah é taciturno, não tem amigos e tem ainda certo desconforto sobre sua orientação sexual, (muitas vezes é sacaneado por outros garotos). Estas diferenças até então não interferiam no bom relacionamento dos irmãos. Mais algumas mentiras, maus entendidos e uma perda abalam a relação dos irmãos.

Anos depois eles ignoraram a existência um do outro. Noah não conseguiu ser aceito na escola de arte e parece ter abandonado sua paixão pelo desenho. Passa a viver em um mundo completamente diferente e viver coisas que nunca pôde viver, e mais importante, tornou-se mais extrovertido, enquanto Jude foi egoísta e maldosa, e isso me incomodou muito, pois não admito que uma pessoa, destrua os sonhos de uma pessoa. Entretanto, essa sua atitude tenha me deixando muito chateada, ela sofreu muito e acaba se fechando em seu próprio mundo de superstições.

O leitor vai mergulhar completamente no mundo destes dois jovens, e, sem dúvida, vai desejar saber qual a verdade e torcer para que eles possam finalmente encontrar paz e tranquilidade. Gente, não tem um único culpado, os irmãos cometeram erros na mesma proporção que resultou em viverem anos cercados pela culpa, embora tentem fingir o contrário. Então, o enredo gira principalmente em volta desses acontecimentos, os gêmeos tentando lidar com os erros de seus atos. Certamente é uma história rica e densa em que é impossível ficar indiferente as dificuldades que envolvem muito ciúmes, inveja e egoísmo nas relações familiares, de amizade, amor, sexo e planos para o futuro.

Conhecer o Noah e o Brian (os jovens que tem uma realmente ligação bonita) e principalmente o Oscar, um jovem que tem um jeito de bad boy misterioso e sexy que encanta a Jude por ser super protetor e sincero, foi uma grata e maravilhosa surpresa. A Jude se sente verdadeiramente culpada e apesar da pouca idade nos faz ver, que todo mundo tem algo a nos ensinar. O Noah é um personagem em que levarei para sempre no meu coração, me senti tão próxima dele, chegando a alguns momentos sentir a solidão e a tristeza do rapaz. O que posso dizer é que todos os personagens tiveram o seu encanto, principalmente os personagens secundários Brian e Oscar, que me agradaram muito na trama.

A narração é feita em primeira pessoa pelos gêmeos com algumas variações. Temos a perspectiva de Noah com 13 anos de idade e Jude aos 16 anos, quando mudamos de capítulo e narrador, é alternado entre passado e presente. A leitura se torna densa quando somos colocados frente a frente com situações até então desconhecidos, já que a autora não nos entrega de bandeja as razões que levaram os irmãos a se comportarem dessa maneira.

Jandy Nelson escreveu uma história dedicada à arte, a vida e ao amor abordando questões delicadas de uma maneira poética permeado por fortes emoções. Além disso, tem um toque de magia que me pegou de surpresa e me encantou demais. O que posso dizer adiantar é que os meus olhos ficaram marejados em muitos momentos e em outro segurava o livro com força, tamanha era a minha apreensão com o desfecho que a autora daria a trama. O meu maior problema foi com a narrativa, não se mostrou tão fluida. Fora isso, super recomendo o livro!

Eu me apaixonei totalmente pela história, e obviamente lerei outros livros da Jandy! Inclusive o livro foi indicado para diversos prêmios dente eles a lista dos notáveis do “The New York Times” de 2014. Eu gostei muito da capa, e a diagramação está maravilhosa. Uma leitura mais do que recomendada. Agradeço à Editora - Novo Conceito por ter cedido o exemplar para resenha!


 "Nada melhor para coagular o amor no coração do que limão na língua."

"O irmão destro diz a verdade, o canhoto diz mentiras. ( Noah e eu somos canhotos)."

"Se um menino da uma laranja para uma menina, o amor dela por ele se multiplicará."

"Ás vezes, quando se surfa, você pega uma onda e percebe que está "sem chão", e de repente, sem aviso, você se vê caindo diante da parede de água. Sinto-me assim."



FacebookTwitter: Instagram
Que tal conhecer um pouco mais sobre o grupo editorial? Confira: www.editoranovoconceito.com.br/


TOP COMENTARISTA
Dedos cruzados Boa Sorte Dedos cruzados

comentem e Compartilhem!

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...