«RESENHA» Ligações, de Rainbow Rowell



Titulo: Landline
Autora: Rainbow Rowell 
Editora: Novo Século
Páginas: 302
ISBN: 9788542804812
Sinopse: Aqui / Recomendo a compra no Amazon



Rainbow Rowell é autora dos aclamados Eleonar &Park, Fangirl e Anexos. "Ligações" foi o primeiro livro que li dela, e honestamente? Eu esperava mais.

A história é sobre um casal em crise, Neal e Georgie superaram obstáculos para estar juntos e não há dúvidas de que eles se amam, mas para uma relação dar certo é necessário comprometimento e o companheirismo e eles já não tem esses elementos no casamento. 

Georgie tem uma família na qual não dá muito valor, e ao longo dos últimos quatorzes anos tem se dedicado excessivamente ao trabalho e seu marido já não está feliz há bastante tempo. 

Ela é egoísta demais para o meu gosto. A família estava de viagem marcada para Omaha para passar o Natal com a mãe de Neal, mas dois dias antes da viagem, Georgie avisa ao marido que não poderá ir. Para desespero dela, assim mesmo, ele prosseguiu com os planos de viagem com as filhas Alice e Noomi, deixando-a para trás. Eu imaginava agora era o momento dela avaliar uma maneira de salvar o casamento, mas não fiquem chocadas. Georgie mais uma vez escolheu o trabalho, ficando ao lado de Seth, seu melhor amigo criando sua própria comédia, um sonho que os dois almejando desde a universidade.

Desde o principio gostei muito do Neal. Ele é completamente dedicado a família, a prova disso é que ficou em Los Angeles, embora não gostasse da cidade. Apesar de não ser muito sociável, ele é perfeito para Georgie, enquanto ela não conseguiu se adaptar a vida de dona de casa, o jeito foi Neal ficar em casa cuidando das coisas e das crianças enquanto ela trabalhava para sustentar a casa.

Uma história bastante "normal" até aqui, mas após a partida do marido, se sentindo perdida, triste e abandonada, consequência da decisão que tomou Georgie decide ficar hospedada na casa da mãe. A mãe e irmã são leais e compreensíveis, mas estão convencidas de que Neal vai pedir o divórcio. Georgie não quer acreditar, mas começa a duvidar de tudo ao tentar se comunicar e o marido nunca atende ao telefone, ela só consegue contato com as filhas.

A partir daí seremos jogados em uma situação, onde nada faz sentido: Uma noite sem qualquer explicação, a nossa protagonista descobre que pode falar com Neal usando um telefone antigo em seu quarto, só que leva um grande susto quando percebe que falava com o Neal de 15 anos atrás. Bem, através dos flashbacks sabemos como o relacionamento deles se desenvolveu até a situação a qual eles se encontram hoje, e de como nasceram os problemas.

O destino através de uma mágica louca estava lhe dando mais uma oportunidade mostrando que nem sempre as coisas são tão fáceis de se resolver e que tudo pode sair do controle quando menos se espera. A Georgie me surpreendeu mais de uma vez, fiquei irritada com ela em determinado momento, mas foi o único momento, porque a mulher parece um pouco mais consciente de seus erros, ela sabe que tem que melhorar e que parece ser um passo enorme para ela. 

Rainbow Rowell tem um estilo de escrita muito agradável, porém a narrativa ficou meio arrastada deixando a leitura em alguns momentos bem maçante. Com capítulos curtos, uma diagramação simples, fonte e espaçamento em bom tamanho. Folhas amareladas e uma capa correspondente a história, e o nome também. Ligações têm uma trama simples, dotado de uma atmosfera única e leve com uma magia implícita de modo sutil.
►TOP COMENTARISTA◄ 

Dedos cruzados Boa Sorte Dedos cruzados

Comentem e Compartilhem!

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...